Carreira

Trabalhar para pagar a faculdade: vale a pena?

Antes de responder se vale a pena trabalhar para pagar a faculdade, é preciso ressaltar a importância do investimento em educação, conhecimento e profissionalização. Investir no seu desenvolvimento é sempre uma alternativa válida, em qualquer época da vida!

Nesse contexto, a proposta deste post é levantar a discussão sobre valer ou não a pena o esforço para realizar esse investimento. Vamos falar sobre o que deve ser levado em consideração para responder à pergunta e quais as alternativas possíveis para a questão. Vamos lá?

Por que trabalhar para pagar a faculdade?

Investir nos estudos é adquirir algo que jamais poderá ser retirado de você. Além disso, todo o esforço para aquisição de conhecimento tem como recompensa, além dele próprio, a maturidade. Somente esses dois fatores já são motivos suficientes para afirmar que trabalhar para pagar a faculdade vale a pena.

Com o aumento dos programas de incentivo do governo, cada vez mais pessoas têm acesso ao ensino superior. Isso gera, automaticamente, mais concorrência profissional. Portanto, temos na graduação, hoje, um requisito básico de profissionalização e não mais um diferencial curricular.

Quais os desafios que surgirão?

Existem algumas dificuldades a serem enfrentadas na hora de colocar a decisão de trabalhar para pagar a faculdade em prática. Serão muitas horas de dedicação integral às duas tarefas, com intervalos apenas para alimentação, banho e sono.

Uma das dificuldades mais comuns é manter a disciplina e o foco. Uma dica valiosa para ajudar é criar motivações para estudar.

Manter a disciplina

Seguir de forma rigorosa e diária um quadro de horários bastante exaustivo pode ser desafiador. Geralmente, quem se encontra nessa situação opta pelo estudo noturno para trabalhar em horário comercial. Para conseguir fazer bem as atividades, ter disciplina é essencial.

Manter o foco

Focar no objetivo é muito mais que dispensar compromissos, festas, encontros e atividades de lazer com frequência; é também trabalhar a mente todos os dias para lembrar do objetivo da rotina desgastante, nunca permitir a inversão da importância de cada atividade e aproveitar a faculdade ao máximo.

Como saber se estou preparado para enfrentar o desafio?

Avalie, antes de tudo, algumas das suas potencialidades pessoais e também o quanto você está disposto a desenvolvê-las, caso não sejam seus pontos fortes. Algumas características necessárias são as seguintes:

Organização

Implica no estabelecimento de horários e delimitação do tempo para a execução de cada tarefa do dia a dia. É preciso ter horário para acordar, para tomar banho, para sair de casa, para sair do trabalho etc.

Cuidados com a saúde

Sem cuidados com a saúde, nenhum esforço vale a pena. Estabelecer tempo de sono diário, se alimentar bem e manter a prática de algum exercício é fundamental para tornar o processo produtivo e evitar a exaustão.

Educação financeira

Se você for impulsivo para comprar, repense bastante essa característica. Lembre-se de que seu primeiro compromisso é estudar e o segundo é pagar os estudos. Organize-se financeiramente para comprar apenas o necessário e poder cumpri-los.

Quais são as minhas alternativas?

Se você achar que tem condições de lidar com tudo isso, faça um bom planejamento para trabalhar e estudar ao mesmo tempo e vá em frente!

Como reconhecer os próprios limites é fundamental, se após uma autorreflexão você entender que terá mais prejuízos que benefícios no processo, procure outras alternativas, como:

  • Pesquisar a melhor relação entre custo e benefício do mercado, além de faculdades que ofereçam bolsas e condições diferenciadas de pagamento. Se você vive no Rio de Janeiro, considere as opções da Faculdade São Fidélis, por exemplo;
  • Estabelecer uma meta de tempo de trabalho com foco em fazer economias e investir na graduação, posteriormente;
  • Consultar as condições disponibilizadas pelo FIES;
  • Fazer um empréstimo estudantil com baixa incidência de juros, de forma consciente.

O importante, no fim das contas, é nunca deixar de estudar. Se esse não for o momento para tomar essa decisão, procure manter o foco em pesquisar e conhecer melhor a profissão da sua vida, alimentando assim sua força de vontade e a certeza do que você quer fazer profissionalmente.

Enquanto reflete se trabalhar para pagar a faculdade é a melhor opção para você, que tal assinar nossa newsletter e ter acesso aos melhores conteúdos sobre o tema?

Sobre o autor

Fernando Novais da Silva

Professor e Consultor, interessado em educação, arte, criatividade e empreendedorismo

Deixar comentário.

Share This