Carreira

Curso de pedagogia: tire aqui todas as suas dúvidas

As qualificações presentes no curso de pedagogia vão muito além de preparar o aluno para ministrar aulas. Todo o tempo investido em pesquisas, estudos e métodos de ensino passa despercebido por quem não está envolvido com a área.

Além de trabalhar pela melhoria da qualidade no ensino, na administração de escolas e na condução de todos os assuntos que envolvem a educação, esses profissionais podem atuar fora do âmbito escolar, dedicando-se a aperfeiçoar métodos de treinamento, pesquisa, produção de material e políticas educacionais.

Nesse post abordaremos as possibilidades de atuação do profissional em pedagogia na esfera educacional, seja voltado para a administração escolar ou para o magistério, mas também as diversas opções de construir carreira em empresas e organizações preocupadas com a qualidade na transmissão do conhecimento e transformação do ser humano.

Se você se preocupa em ajudar pessoas a crescerem por meio do conhecimento e tem prazer em formar indivíduos, acompanhando seu progresso, faça uma boa leitura e identifique-se com essa promissora carreira.

O que faz um pedagogo?

Em linhas gerais, o pedagogo é o profissional responsável pela transmissão de conhecimento, desde a metodologia de ensino — resultado de pesquisas e estudos — até a aplicação dos métodos e o acompanhamento da evolução de seu público-alvo.

Além da criação e da implementação de métodos de ensino, esse profissional deve criar e implementar ferramentas de avaliação do aprendizado e da assimilação do conteúdo, quantificando e qualificando a absorção da matéria.

A diversidade do público-alvo exige desse profissional certa flexibilidade na criação dos métodos de ensino, pois sua atuação pode ocorrer, como já dissemos, em instituições de ensino ou empresas, na área de treinamento.

Essa diversidade coloca como público-alvo crianças, jovens e adultos de diferentes faixas etárias e níveis socioculturais. Motivar esse público a sair de sua zona de conforto é tarefa desse gigante profissional.

Qual o perfil do profissional?

O curso de pedagogia tem identificação com pessoas que se preocupam em promover crescimento e aprendizagem. O gosto pela cultura e a vontade de multiplicar e compartilhar conhecimento também fazem parte do perfil.

Extroversão não é necessariamente um pré-requisito. Existem pedagogos que se dedicam à pesquisa e ao desenvolvimento de metodologias de ensino que preferem não estar diante de uma sala de aula ou de uma turma em treinamento.

Mas é preciso, obviamente, gostar de ler e estudar. Ninguém consegue transmitir conhecimento sem se dedicar ao estudo.

1. Perfil para atuar em instituições de ensino

Na administração escolar

O pedagogo pode atuar na gestão de instituições de ensino, na coordenação dos professores e na orientação pedagógica.

Para atuar na gestão das instituições, o perfil ideal é aquele voltado para resultados práticos e quantificáveis.

Esse profissional deve ter aptidão principalmente para gestão financeira, administrativa e de pessoal. O grande diferencial do pedagogo atuando como gestor em instituições de ensino é conseguir transmitir diretrizes ao corpo executivo e pedagógico de maneira clara e didática. Ter a visão sistêmica da instituição e atuar de forma interdisciplinar e transdisciplinar, sabendo lidar com situações de diversas áreas diferentes.

Na área de ensino

O profissional formado no curso de pedagogia aprende sobre metodologias de ensino e suas aplicações. Este aspecto é essencial para uma perfeita compreensão da metodologia e da melhor maneira de aplicá-la. è o tipo de profissional que cria novas metodologias baseado no que ele já conhece.

O perfil para lecionar, além da vocação e do grande interesse na transmissão de conhecimento, contempla empatia com as limitações e dificuldades de assimilação de seu público-alvo.

É nesse momento que o profissional flexibiliza a metodologia aplicada, facilitando a compreensão e garantindo que todos os alunos tenham oportunidades iguais de aprendizado.

2. Perfil para atuar em empresas

Algumas empresas encontraram no pedagogo habilidades essenciais que fizeram desse profissional uma excelente opção para treinamentos. Para atuar nesse segmento o profissional precisa desenvolver perspicácia para detectar diferentes níveis de interesse por parte de seu público.

Em uma sala de aula ou de treinamento, no caso de empresas, as pessoas vão exclusivamente para aprender. Um treinamento é uma atividade fora da rotina da maioria das pessoas presentes que, algumas vezes, não é bem recebida.

Por isso esse profissional precisa desenvolver metodologias específicas, dependendo de seu público. Uma turma com pessoas de faixa etária similar e com o mesmo nível de funções na empresa pode ser mais fácil de trabalhar, mas nem sempre essa será a realidade.

Entra em cena a flexibilidade e a capacidade de adaptação, valendo-se do conhecimento de metodologias e seu desenvolvimento. Inteligência emocional é outro importante aspecto a ser desenvolvido.

O fato de lidar com profissionais que convivem com disputas internas e carregam esse ambiente para dentro da sala de treinamento é também um fator complicador.

Quais as possibilidades de mercado?

1. Na área de ensino

Após se formar no curso de pedagogia, o profissional pode atuar na esfera pública ou privada.

Se optar por atuar em instituições de ensino, poderá prestar concurso para a rede municipal ou estadual, desde que cumpridas as especificidades dos editais.

Dependendo da função, podem ser exigidos outros requisitos além do diploma de pedagogia.

Em paralelo, se a opção for atuar na gestão das instituições, existem muitas oportunidades tanto na área pública quanto na particular. E o profissional tem a possibilidade de atuar lecionando e administrando, aumentando as chances de uma renda maior.

2. No ambiente corporativo

A possibilidade de atuar em empresas surgiu há alguns anos e vem mostrando uma tendência crescente.

Os segmentos com possibilidades de atuação são diversos, e incluem ONGs, empresas de prestação de serviços, indústrias, grandes redes de varejo e associações comerciais.

Basicamente, qualquer tipo de empresa que valorize o treinamento de seus colaboradores pode ser um excelente campo de atuação.

Por exemplo, empresas de transporte urbano perceberam que, quando intensificaram os treinamentos de segurança para seus motoristas, conseguiram minimizar os acidentes e diminuir os prejuízos com faltas, afastamentos e reparos dos veículos.

Indústrias que se utilizaram dos conhecimentos e da capacitação do pedagogo para ministrar treinamentos ao pessoal da produção conseguiram aumentar a produtividade, reduzir acidentes e melhorar o clima organizacional.

Independentemente da área de atuação, o perfil básico para o curso de pedagogia é se importar com as pessoas e com seu desenvolvimento constante.

Alguns estudantes saem do ensino médio com a percepção de que seu objetivo é ser um agente de transformação por meio do ensino. O melhor a fazer é começar a pesquisar as áreas de maior interesse, buscando uma faculdade que lhe ofereça boa estrutura e profissionais antenados com o mercado.

Alguns cuidados devem ser observados. Escolher o curso com o qual você mais se identifica leva tempo e requer bastante pesquisa.

Esperamos que as informações desse post tenham lhe ajudado nessa decisão. Se você se identifica com o curso de pedagogia e quer receber mais conteúdo valioso sobre ele, assine nossa newsletter!

 

Sobre o autor

Faculdade São Fidélis

Deixar comentário.

Share This